Dirigentes de subseções debatem soluções para problemas que afetam a advocacia dativa

Publicado 27 de abril de 2017
 
A advocacia dativa também esteve em pauta na programação do III Colégio de Presidentes de Subseções, que reúne até a sexta-feira (27) dirigentes da seccional e das 48 subseções. O presidente da OAB Campo Largo, Ivo Gobbato de Carvalho, mostrou como o sistema está funcionando na subseção em relação aos plantões – nas audiências de custódia, nas Varas de Famílias e nos Juizados Especiais Criminais. 

Vários presidentes de subseções se manifestaram para expor os problemas que estão enfrentando. Um deles é que alguns juízes não estão respeitando a ordem de nomeação com base na lista apresentada pela Ordem.

A presidente da Comissão de Advocacia Dativa, Sabrina Becue, sugeriu que os presidentes estudem durante o evento a possibilidade de uniformizar os procedimentos relativos à fiscalização do cumprimento da lista elaborada pela OAB.
 
Voltar